Apendicite

Por sobreplanos em

Apendicite

– Esclarecendo sobre Apendicite:

 Esta é uma doença bastante comum e ocorre quando o apêndice – um pequeno tubo fechado, em forma de dedo de luva, situado no início do intestino grosso – é objeto de um processo infeccioso.

Existem dois tipos de apendicite, um mais grave que o outro, e os sintomas devem ser observados com muita atenção, pois é uma situação potencialmente urgente.

Uma inflamação ligeira do apêndice causa incômodo ocasional no quadrante inferior direito do abdômen – é a chamada apendicite crônica.

Embora possam persistir dores difusas, que vão e vêm durante meses, raramente evoluem para uma situação mais grave.

Os sintomas de uma inflamação grave; chamada de apendicite aguda; demora de 4 a 48 horas para se desenvolver e começam com uma dor difusa na região do umbigo, enjoo, e por vezes, vômitos. Em geral a pessoa recusa-se a comer ou beber e frequentemente tem prisão de ventre

Apendicite - Sintomas

Ao fim de algumas horas, a dor aumenta e passa a localizar-se na região inferior direita do abdômen. A temperatura pode subir ligeiramente e o hálito fica desagradável. Às vezes a dor desaparece depois de algumas horas, mas isso não significa necessariamente que a doença tenha passado.

Em caso de sintomas de apendicite aguda, dirija-se o mais rapidamente possível ao hospital, pois, se o auxílio médico demorar, o apêndice pode gangrenar e perfurar, provocando peritonite (infecção do revestimento da cavidade abdominal), e às vezes a morte. Mesmo que infecção se limite é uma pequena área, o resultado será um abscesso no apêndice, o que terá de ser drenado. Se o apêndice se não for retirado, é provável que os ataques agudos se manifestem de novo.

O que se deve e o que não se deve fazer.

Deite-se,  agasalhe-se e aplique uma bolsa de água quente para aliviar a dor.

Não coma, nem beba. Bocheche com um pouco de água se for necessário.

Não tome laxantes, analgésicos ou qualquer outro tipo de remédio.

Chame um médico se a dor se agravar, se tornar constante ou não tiver passado o fim de 4 horas.

Atenção. Consulte sempre um médico antes de procurar tratamento alternativo para apendicite crônica.

Não existe tratamento alternativo seguro para apendicite aguda. Na China, a doença é por vezes tratada com acupuntura. Mas, no mundo ocidental os médicos consideram um erro grave adiar a intervenção cirúrgica.

Apendicite - o que dizem as medicinas alternativas.

PLANTAS MEDICINAIS.

Autoajuda. Para os sintomas crônicos, sugere-se uma infusão de agrimônia, o que é usada como planta anti-inflamatória. Tome uma xícara, três vezes ao dia.

Outros tratamentos alternativos

Acupuntura. Os médicos chineses demonstraram, com uma casuística, de mais de 5.000 casos, que é possível evitar a operação e curar o doente se este for socorrido dentro das primeiras 24 horas, e se, além disso, reunir outros requisitos favoráveis.

Consulta. O tratamento consiste, na aplicação de duas ou quatro agulhas nas duas pernas, em pontos específicos. A pessoa permanece sob observação, fazendo-se uma contagem de leucócitos (leucograma), de 3 em 3 horas.

Fonte: Dicionario de medicina natural -  Reader´s Digest

Solicite mais informações sobre Convênio médico


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *